Sociobiologia>O VATICANO REALMENTE UM ESTADO SOBERANO ?

Digite sua dúvida:

 

O VATICANO REALMENTE UM ESTADO SOBERANO ?

Professor Mario Giudicelli - BRASIL e USA

Consultor

 

Um comentário  com base na argumentação do jornalista Christopher Hitchins do New York Times. Por Mário Giudicelli

 

                       ==============

 

Existem  no mundo jornalistico internacional diversas válidas observações e julgamentos sobre como opinaria o mundo  jurídico, em relação  á indicação da Sra. Elena Kagan, pelo Presidente Obama, para a mais recente vaga da Corte Suprema.  Refere-se  à posição dessa senhora  ( e dos demais juizes ) sobre uma decisão sua, quando, até o mes passado, ainda, era a principal juiza do gabinete, conhecido como “solicitor General of the United states”, uma espécie de ministro federal, responsável  pela distribuição de julgamentos, no país. A opinião a qual me reporto, e sobre o que comenta o  jornalista Hitchins, é conhecermos  a posição  oficial da justça norte americana, em relação  a esse  tenebroso  caso da enorme quantidade de padres envolvidos com o abuso sexual contra crianças, não ,só, nos Estados Unidos, mas no mundo inteiro, e  como o Vaticano vem não, apenas, tentando esconder   do público,  mas, também, torpedeando e  se intrometendo  na obstrução da justiça, dentro dos Estados Unidos,  que tem  sempre indicado o nome do Papa como o acusado nessas tentativas  de cobertura, proteção e desvio de atenção   do público, um sério crime federal, nos Estados Unidos . Com esse criminoso comportamento, o  Vaticano desenvolveu a estratégia de afirmar publicamente que a Santa Sé  é, com efeito, um estado soberano, possuindo, assim, imunidade em relação ás leis  de outros paises, não podendo, portanto, o Papa ser processado por suas vítimas. A esse propósito,  foi  discretamente anunciado, esta semana, que o governo Obama estaria sugerindo  á Corte Suprema que adotasse esse ponto de vista do Vaticano, no seu próximo julgamento sobre esse escândalo internacional.

            Na verdade,  tem surgido um enorme número de pessoas  que possuem uma variedade de opiniões. Como se sabe, pode-se falar mal de criminosos comuns,  sejam eles de qualquer nacionalidade,  ou de suas variadas sexualidades, mas tocar  em algo religioso, ah! Ai,  temos todos que calar a boca!

             Por isso mesmo, não é considerado como coisa polida,  mencionar que a maioria dos Juizes da Corte Suprema são católicos praticantes, A esse propósito, vale,  aqui, recordarmos o que sucedeu com o duplo conflito de interesses, tanto em respeito  aos ensinamentos da Igreja e a decisão de ocultar o endereço do Cardeal  Bernard Law, de Boston, ( que se escondeu numa residência oculta da Igreja Católica;  por sinal cardeal muito parecido sexualmente com o antigo cardeal Spellman, da mesna cidade da Familia Kennedy,  que era um deslavado homossexual).  Essa proteção ao cardeal Bernard Law,  diga-se, ocorreu algum tempo antes de vir á luz o fato de que o atual Papa  se achava profunda e pessoalmente a favor desse novo lider católico, de Boston, depois que este se ocultou  para evitar a ordem de prisão.

            Por outro lado,  dentro de muito pouco tempo,  verificaremos que a Corte Suprema atual vai ficar completamente  lotada de ministros católicos, isto é, que não´haverá nenhum protestante ou secularista e que vai ter a incumbência de apresentar uma decisão  central ás crenças religiosas  e sobre a personalidade de Joseph Ratzinger, como o vigário de Cristo, na terra. Daí, então,a indagação: Será que os juizes vão esconder-se  por detrás   da malandra afirmação de que   estariam lidando com a burocracia de um Estado independente?  Será que isso acalmará as consciências de  juizes altamente qualificados,  dentro da maior  Corte Surprema da terra ?

            Mas mesmo que  esses juizes decidam dessa maneira, não me parece que eles consigam abafar a poderosa questão da responsabilidade do Vaticano,  em relação ao mal que fizeram tantos padres para com crianças inocentes, sobretudo, porque nunca devemos ignorar que todo o imenso cabedal de leis  e hábitos sociais no mundo inteiro sempre foi feito pelas próprias religiões, particularmente a Igreja Católica. Para podermos ter uma ideia dessa enorme confusão, devemos ainda recordar que dentro do velho estilo norte-americano, encabeçado pela étíca puritano protestante,  a lei norte-americana,  atuante do Departamento de Estado, exige do Congresso dos Estados Unidos que sempre mantenha viva a lei; que  faça um relatório atual sobre o registro de direitos humanos de cada governo na terra, que tenha relações com os Estados Unidos, Isso, por exemplo, foi o que sucedeu quando o Presidente Carter esteve no Brasil, durante  o período da ditadura militar, em que enfrentou diretamente os militares brasileiros, que operavam com toda a brutalidade contra o público inocente ou não. No entanto, quando se trata  agora de  questões religiosas, particularmente  da Igreja Católica ,  não existe nenhuma forma de atuação contra o  estado do Vaticano, contra  a cidade do Vaticano ou contra  a Santa Sé. Dessa forma, curiosamente, quando   conversando com os funcionários do  Departamento de Estado, estes se saem gloriosamente, afirmando que o Vaticano, em termos   de direitos humanos, não é um Estado. Cinicamente,  esses funcionários diplomatas afirmam que o Vaticano é, apenas, um observador nas Nações Unidas    Ora, se a Corte Suprema determina que  o Vaticano é um governo soberano, logo se segue que deva acompanhar o escrutínio, oficial que,  em linguagem oficial, inclui o tratamento e proteção de crianças. Daí que será interessante observamos qual será a política do

Presidente Obama no meio de toda essa confusão. 


 


 
 
Home | Produtos | A empresa | Dúvidas | Mapa do site | Contato
© 2008, C.A.L.M. INTERNATIONAL - Todos os direitos reservados
Conheça nossos outros sites!!!
Remédios | Suplementos e Vitaminas | Vitamed | Para alérgicos

Alergia | Cancer | Cardiologia | Clinica Medica | Dermatologia | Doenca Infecto Contagiosas | Endocrinologia | Gastroenterologia | Ginecologia e Obstetricia |
Neurologia | Nutrologia e Medicina Ortomolecular | Oftalmologia | Oncologia | Ortopedia | otorrinolaringologia | Pediatria | Perguntas Frequentes | Pneumologia |
Reumatologia | Seguranca na Internet | Sociobiologia | Urologia |