Home

Remédios Suplementos e Vitaminas Vitamed  Vacinas  Para Alérgicos


Faça sua busca aqui !
Clinaire






ABCdoPRECO

PRODUTOS

Bula do Noripurum Folico caixa com 20 comprimidos mastigveis


Dica de compra
NORIPURUM FÓLICO
A+ A- Alterar tamanho da letra
- Apresentação:

Embalagens com 20 unidades

Uso Adulto ou Pediátrico

- Composição:

Cada comprimido mastigável contém:
Complexo de Hidróxido de Ferro III Polimaltosado 333,34 mg*
Ácido Fólico 0,35 mg
Excipiente q.s.p. 1 comprimido
* equivalente a 100 mg de ferro (III)


- Informação ao Paciente

Conserve o produto na embalagem original e ao abrigo do calor.
Prazo de Validade: 24 meses a partir da data da fabricação (vide cartucho).
Não use medicamento com o prazo de validade vencido.
Ação esperada do medicamento: Noripurum Fólico age como antianêmico em casos de anemia por deficiência de Ferro e Ácido Fólico, reabastecendo o organismo com estes elementos, indispensáveis para a formação da hemoglobina .
Informe seu médico a ocorrência de gravidez ou lactação na vigência do tratamento.
Cuidados de administração: Aos pacientes portadores de próteses dentárias, particularmente à base de "Luva Light" recomenda-se lavar a boca e escovar as próteses imediatamente após uso do preparado, a fim de evitar escurecimento das mesmas.
Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.
Informe seu médico caso apareçam reações desagradáveis como: sensações de plenitude no estômago e nos intestinos, dores abdominais, náusea, prisão de ventre ou diarréia . Em caso de manifestação de reações alérgicas como sensação de calor, vermelhidão, aceleração dos batimentos cardíacos e erupção da pele, a medicação deve ser suspensa e o médico informado imediatamente.
TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.
Desaconselha-se o uso de bebidas alcoólicas durante o tratamento visto que pode aumentar o risco de efeitos indesejáveis.
O produto não deve ser usado por pacientes alérgicos a medicamentos à base de Ferro ou Ácido Fólico, com doenças hepáticas agudas, com doenças gastrintestinais ou com anemias não causadas por deficiência de ferro ou Ácido Fólico.
Informe seu médico caso tenha se submetido a transfusões sangüíneas repetidas na vigência do uso do produto. Como outros compostos de ferro, Noripurum Fólico provoca coloração escura das fezes, fato este sem qualquer significância clínica.
NÃO TOME REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO. PODE SER PERIGOSO PARA A SUA SAÚDE.

- Informação Técnica

Noripurum Fólico age como antianêmico especificamente indicado para o tratamento das anemias nutricionais e microcíticas causadas por deficiência de Ferro e Ácido Fólico.
O ferro de Noripurum Fólico apresenta-se sob a forma de um complexo macromolecular, não iônico, o que confere ao preparado características vantajosas: boa absorção e utilização pelo organismo, baixa toxicidade e boa tolerabilidade, não interação com certos medicamentos (p.ex. tetraciclinas, glicosídeos cardíacos, anticoncepcionais), não diminuição do seu volume utilizável, nem por eliminação renal, nem por depósito no tecido adiposo.

- Indicações:

Anemias ferro e folicoprivas.
Profilaxia e tratamento das anemias da gravidez, do puerpério e no período de amamentação, caracterizadas por ferropenia e hipofolinemia.
Anemias ferropênicas graves, pós-hemorrágicas, pós-ressecção gástrica, pós-parto e pós-operatórias.
No pré-operatório de pacientes anêmicos.
Anemia hipocrômica essencial, cloroanemia aquílica, anemias alimentares qualitativas e quantitativas. Adjuvante no tratamento da subnutrição.

- Contra-Indicações:

Todas anemias não ferropênicas, particularmente aquelas caracterizadas por acúmulo de ferro ou incapacidade da sua utilização, tais como hemocromatose, anemia falciforme, anemia hemolítica, anemias sidero-acrésticas, anemias do chumbo, talassemia, anemias por tumores ou infecções (sem deficiência de ferro), anemias associadas à leucemia aguda ou crônica, hepatopatia aguda.
Hipersensibilidade aos sais de ferro ou ácido fólico.
Processos que impedem a absorção de ferro ou ácido fólico por via oral, como diarréias crônicas, retocolite ulcerativa.

- Precauções:

Como todos preparados férricos, Noripurum Fólico deve ser administrado com cautela na presença de alcoolismo, hepatite , infecções agudas e estados inflamatórios do trato gastrintestinal (enterites, colite ulcerativa), pancreatite e úlcera péptica.
A administração do produto em pacientes submetidos a transfusões repetidas de sangue deve ser realizada sob rigoroso controle médico e observação do quadro sangüíneo, visto que a concomitância da aplicação de sangue com alto nível de ferro eritrocitário e sais de ferro por via oral pode resultar em sobrecarga férrica.

- Interações Medicamentosas:

Graças à alta estabilidade do seu complexo, o Noripurum Fólico - diferentemente dos sais ferrosos - não sofre diminuição da sua absorção por interação com certos medicamentos (p.ex. tetraciclinas, hormônios esteróides, anticoncepcionais, glicosídeos cardíacos), porventura empregados concomitantemente.
A ingestão excessiva de álcool, causando incremento do depósito hepático de ferro, aumenta a probabilidade de efeitos colaterais e até tóxicos do ferro, quando em uso prolongado.

- Reações Adversas:

O preparado, sendo de excelente tolerância, apenas excepcionalmente provoca fenômenos gastrintestinais (sensação de plenitude, dores epigástricas, náuseas , constipação ou diarréia ), freqüentemente observados com o uso dos sais ferrosos.
A manifestação de reações de hipersensibilidade (sensação de calor, rubor, taquicardia , erupções cutâneas) é extremamente rara, ocorrendo quase que exclusivamente em indivíduos reconhecidamente alérgicos aos sais de ferro.
A coloração escura das fezes, quando de seu uso, não é característica específica do Noripurum Fólico, mas de todos compostos de ferro, não tendo absolutamente significância clínica.

- Advertências

Aos portadores de próteses dentárias - particularmente à bse de "luva light" - recomenda-se lavar a boca e escovar as próteses imediatamente após uso do preparado, a fim de evitar escurecimento das mesmas.

- Posologia:

Para fins de cálculo , lembra-se que 1 comprimido mastigável contém 100 mg de ferro. Para o uso pediátrico, a dose diária de ferro a ser utilizada, calcula-se conforme a gravidade do caso e, salvo critério médico diferente, na base de 2,5 a 5,0 mg/kg de peso administrados em uma ou mais tomadas.
Como posologia média sugere-se:
Adultos e adolescentes:
No tratamento de ferropenias leves e moderadas,1 comprimido mastigável ao dia; no tratamento da anemia ferropriva manifesta, em geral, 1 a 2 comprimidos mastigáveis ao dia atendem a necessidade terapêutica. Em casos mais graves, até 3 comprimidos mastigáveis, em uma ou mais tomadas ao dia, podem ser administrados, a critério médico.
Crianças de 1 a 5 anos: 1/2 comprimido mastigável ao dia.
Crianças de 5 até 12 anos: 1 comprimido mastigável ao dia, em 1 ou 2 tomadas.
Recomenda-se administrar o preparado pouco antes ou durante as refeições.
Em casos de anemia ferropênica grave ou de necessidade elevada de ferro, as doses podem ser aumentadas, a critério médico, ou ser necessário o uso de Noripurum IM ou EV como tratamento inicial.
A fim de garantir um tratamento eficiente, com adequada reposição do estoque orgânico de ferro, recomenda-se continuar com a administração de Noripurum Fólico durante mais 2 a 3 meses após o desaparecimento dos sintomas clínicos e a normalização da taxa hemoglobínica.

- Conduta na Superdosagem:

Quando da ingestão acidental ou proposital de doses muito acima das preconizadas, sintomas como náuseas ou sensação de plenitude gástrica podem ocorrer. Deve-se proceder ao esvaziamento gástrico e empregar medidas usuais de apoio.

SIGA CORRETAMENTE O MODO DE USAR; NÃO DESAPARECENDO OS SINTOMAS, PROCURE ORIENTAÇÃO MÉDICA.